quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Musicais em Londres!

Realizei aqui que eu nunca falei direito sobre os musicais que já fui ver aqui em Londres. É um programa que eu adoro e vou sempre que posso! (escrevi tudo e ficou loooongo, só pra avisar ;)


Bom, o primeiro que eu assisti foi em 2006, quando vim com os colhega da faculdade. Foi Les Miserables e eu sinto que não tenho muito direito de falar sobre a peça, porque até onde sei eu sou a única pessoa que não gostou (pode atirar as pedras). Mesmo, não gostei e pronto. A peça se passa em Paris e apesar de ser ficção, usa muitos fatos históricos importantes da França como pano de fundo e conta a história de um ex-convicto (famoso Jean Valjean) e sua saga para a redenção. Pessoalmente, eu achei triste por demais, as músicas não me tocaram tanto quanto tocam a maioria das pessoas e não gostei nem um pouco do final. Fora que é eterna, 3h de duração. Mas né, é uma das mais famosas histórias do séc. IX, a peça tá há mais de 25 anos em cartaz, uma multidão de fãs. Então se você não viu, vá. E por favor, caso não goste, vem compartilhar comigo? Me sinto só! :)


Acho que a segunda que vi foi em 2008, The Lion King - outro clássico dos musicais. E realmente, merece. A história é aquela que todo mundo conhece e as músicas lindas. Mas o que torna a peça muito emocionante e diferente das outras é a produção mesmo, que é incrível! As fantasias, as maquiagens, os cenários, é tudo muito perfeito, lindo, bem fantasia! Eu gostei muito e super recomendo pra qualquer idade, homem, mulher, nunca vi quem não gostou (vê, eu sou normal, tsá?).


Também em 2008 assisti We Will Rock You. Essa é meio controversa, mas eu achei bem divertida. Ela é inteira baseada nas músicas do Queen, então pra quem gosta é DEMAIS. A peça super animada, efeitos especiais bem legais, todo mundo canta as músicas, mó festa. Mas o objetivo é esse, divertir com as músicas do Queen e dai né, a história fica em segundo plano. Fraquiiiinha, fraquinha. Basicamente se passa num futuro onde a música, a cultura jovem e a espontaneidade foram banidos e o governo (que é uma corporação) tudo controla. Eu achei engraçada, divertida, mas a história, boa boooooa, não é não. Mas se seu objetivo é sair leve, rir e ouvir Queen, é ótima!


Quando vim morar aqui a primeira peça que fui assistir foi Wicked. Também no time dos musicais leves, bom de levar crianças, ouvir as musicas que são bem gostosinhas, rir e conhecer a história de como a Bruxa do Mágico de Oz se tornou Bruxa. A história é legal, também divertida, a produção é boa, eu adorei! Mas né, igual o Rei Leão, tem que gostar desse tipo de história e é mais "infantil" um pouco.


Ainda morando em Victoria, teve o dia que Deus me iluminou e eu pude ir assistir Billy Elliot de grátix. Olha, eu adorei. A história é idêntica ao filme, o menino no interior da Inglaterra que quer dançar ballet - isso num contexto da crise dos mineiros dos anos 80. Além de ser uma história legal e bem "real", a atração da peça é o menino mesmo, que é um SHOW. Mas assim, é uma peça um pouco mais "específica" eu acho. Primeiro que como a peça se passa no interior da Inglaterra, o sotaque é BEM acentuado e um pouquito mais difícil de entender, então se o Inglês não tá 200% e você não conhece a história não seria minha primeira opção (eu não entendi vááários diálogos!). Segundo, se você não tá muito interessado no contexto histórico da Inglaterra ou em dança, pode não achar lá essas coisas!


Depois desse golpe de sorte mamãe e vovó vieram no fim de 2009 e fomos ver Mamma Mia (super apropriado, hein?). Se você gosta de Abba, quer uma comédia leve, também divertida, vai amar! A história se passa na Grécia, uma menina vai casar, chama seus três "possíveis" e desconhecidos pais pro casamento e a comédia começa ai. No mesmo estilo do We Will Rock You, todo mundo canta, dança, mó baderna. No time das comédias, eu muito recomendo! (gente, até o Rodrigo adorou, é aquela peça pra ir qual-quer pessoa)


E eis que dois raios podem SIM cair no mesmo lugar e eu pude ver Chicago pela segunda vez (vi em São Paulo acho que em 2006), também de grátix. Essa é bem diferente das outras, porque é uma comédia mais adulta. O forte é a banda de jazz, que fica no palco, e a história, que é bem legalzinha. Se passa em Chicado (der) nos anos 20 e é uma comédia que aborda corrupção e crimes famosos - no caso todos passionais. É bem sensual, engraçada, coreografias legais, música boa, mas definitivamente não é bem uma peça pra levar os filhos!

Bom, e se você chegou até aqui (meio longo, néam?), só te digo uma coisa: The Phantom of the Opera. Eu sei que eu tenho certo apego emocional com a peça, foi a primeira que eu conheci na vida, etc etc, mas se você quer minha opinião pessoal, eu concordo com a grande maioria do publicão quando falo que é A.melhor.de.todos.os.tempos. Pra mim nada, nada bate a emoção de ver essa peça, ela é a melhor em tudo! Os cenários são lindoooos, a história é emocionante (se passa na ópera de Paris no começo do séc XX e conta a obsessão de um gênio musical misterioso por Christine, uma cantora da ópera) e a música, MEU, que música linda! Até hoje, depois de ouvir centenas de vezes (sim, eu ouço a peça com falas inclusive, enquanto trabalho) ainda me arrepia.
Não é a toa que a peça é sucesso absoluto em Londres, NY e em 20 outros países, já foi assistida por mais de 80 milhões de pessoas e é o clássico dos clássicos dos musicais. Minha opinião, total e completamente pessoal? Primeira opção de looooonge. Mas tá vai, só pra falar que eu não avisei, é do time dos Dramas. Não é tão pesada quanto Les Mis, mas não é comédia e não acho também a melhor opção pra crianças!

ENFIM.

Ainda tem muitas opções de musicais em Londres que não fui ver, muitos mesmo. O próximo é Love Never Dies (continuação do Fantasma da Ópera, rá!), mas quero ver também Priscila, Jersey Boys e vááárias outras. Veremos, veremos...! Vou aproveitar as visitas que já estão confirmadas, né Tá? ;)

(com exceção de Wicked e Billy Elliot, que ficam em Victoria, quase todas essas peças estão na região de Covent Garden/Leicester Square, onde tem milhares de opções de restaurantes e é super animado. Eu sempre compro ingresso pela UK Tickets mas tem muitos sites que dá pra comprar e os sites dos próprios teatros!)

6 comentários:

Rô disse...

Meu, super adorei o post ! deu pra ter uma noção legal de cada Musical e me ajudar na escolha, e seu blog é bem fofo vou visitar sempre ! bjooo

cintia disse...

Adorei suas dicas. Eu nao gosto de musical, mas ja sei que vou levar meu irmao pra ver Lion King ja que ele ADORA o filme. Beijos!

Anônimo disse...

Ma!!!!!!!!!!!

Amei o post!!!!! E pode agendar algumas pra gente ver juntas na minha próxima temporada,se Deus quiser!!
Les Miserables e o fantasma da ópera vi aqui no teatro abril..e gostei MUITO
Bjos
Mamadi

Dedé disse...

Ah bom, tava achando que nao ia falar do Fantasma... eu tb adorei. Pra mim eh o melhor musical de todos os tempos! Assisti em Nova York e quero assistir de novo aqui! Eu acho que nenhum supera o Fantasma... TUDO eh perfeito.
Adorei o post! Eu nao fui a muitos musicais, mas o proximo que queria ver eh o The Lion King.
Bjos

Cheers! Fla disse...

Love Never Dies eu achei beem melhor que o Fantasma da Opera, e olha que eu gostei bastante do Fantasma. Eh muito bom, o Paul que nao gostou do Fantasma da Opera adorou a continuacao. Billy Elliot eu vi o filme e eh otimo, entao acho que o musical deve ser otimo. Uns que nao tenho muito interesse em ver eh Queen, Dirty Dancing, etc

bjs

Taliza Weiss disse...

Amigaaa! espero que esse post tenha a ver com o seu email que ira me mandar sobre qual iremos ver! srrsrrrs
Entao, para comentar seu post digo:
- Chicago, vi em NY e eh um dos meus preferidos de longeeeeee, recomendo muitoooo, mas realmente nao para criancas.
- O fantasma da opera eu vi no Brasil e chorei, arrepiei, sorri, lembrei do nosso teatro, voce no espelho de branco... enfim... unico e eu veria com certeza na versao londrina se voce quiser ir de novo. MAS, acho uma otima a gente ver a continuacao... o que acha????
Outro sonho meu eh ir ver Lion King... mas como vc ja viu, fica pra proxima!
Beijos!
Ta.